18 de fevereiro de 2009

Delírio Delirante

Delírio delirante
Delírio nosso de cada dia
Não é algo preocupante
É viver
É não deixar a mente vazia
Delirar faz bem a todo instante
De noite
Ou em plena luz do dia
Delire o delírio delirante
Saia do óbvio
Voe distante
E a felicidade lhe fará companhia

4 comentários:

Larissa Santiago disse...

e faz sempre!

A Outra disse...

saímos todos do óbvio.
somos felizes, afinal.

beijos!

gostei do sorriso de ambos.

lorena lago disse...

As vezes o delirio é o meu modo mais rapido de chegar aos céus.

otimo texto.

ana f. disse...

foto bonita