27 de junho de 2008

Ave pequena

Voe, ave pequena
Não sinta medo, sinta apenas o ar
Encare o vento, mesmo que forte
Pois determinação, coragem e sorte
Eu sei que nunca não vão lhe faltar.
Voe, ave pequena
Ao horizonte, sem hesitar
Conquiste a tudo em seu caminho
Saia do ninho
O mundo é o seu lugar.
Voe, ave pequena
O mais alto e belo que imaginar
Voe pra longe ou voe pra perto
Estarei sempre te acompanhando
Admirando o teu voar.

3 comentários:

Fabiana disse...

Lindo!
Cada dia melhor.
Abração de quem te admira
Fabiana

Guiro disse...

muito bom! to tentando me inspirar em ti pra fazer os meus!

bjos mano mimoso!

Celine disse...

Não prende a ave pequena, hein?
bjos